Mato Leitão protocolou na última sexta-feira, 31 de maio, projeto para implantação da primeira etapa do Sistema de Videomonitoramento envolvendo um ponto com câmeras de segurança e estruturação de uma Sala de Operações. A aquisição dos equipamentos contará com verba do Estado e contrapartida da Prefeitura.

A documentação foi entregue pelo secretário de Finanças, Cleberton Ferreira da Silva ao major Costa Limeira do Sistema de Segurança Integrada com os Municípios (SIM), da Secretaria Estadual de Segurança Pública, em Porto Alegre. Mato Leitão aderiu ao projeto em nível estadual em 2017, primeiro ano do governo Carlos Alberto Bohn/Arly Stöhr (Flecha).

O projeto envolve um kit de câmeras (previsão de instalação junto a Praça da Matriz Santa Inês) com previsão de investimento de R$ 44,4 mil, sendo R$ 35,5 mil do Estado e R$ 8,8 mil de recursos próprios da Prefeitura. A Sala de Operações, na sede da Brigada Militar, está orçada em mais de R$ 12 mil, sendo R$ 10 mil do Estado e R$ 2,5 mil da Prefeitura. O projeto passa por análise para depois ser encaminhado do Setor de Convênios.

Previsão é de instalação do equipamento no Centro