Mato Leitão terá papel importante no projeto Avícola da Dália Alimentos, que prevê produção de aves de corte em todas as etapas. Além de um condomínio para terminação de frangos, em Sampaio Baixo, o Município vai sediar a Unidade Incubatório destinada para produção de pintos.

Essa estrutura está localizada na localidade de Palanque Pequeno. O investimento da Dália gira em torno de R$ 12 milhões, sendo que o poder público participou com o repasse da área, serviços de máquinas e redes de luz e água. Equipes trabalham na estruturação do complexo, sendo que o estágio atual envolve serviços de alvenaria e iluminação interna.

Alguns equipamentos nas salas do Incubatório

A previsão de conclusão é para outubro, sendo que a estimativa inicial envolve 75 mil ovos/dia com três turnos de trabalho. Os pintos, produzidos em Mato Leitão, irão abastecer os nove condomínios que estão sendo construídos na região. Um deles está localizado em Sampaio Baixo, investimentos de produtores na ordem de R$ 7,5 milhões. A construção dos pavilhões está na reta final, com previsão de conclusão para final de agosto.

SAIBA MAIS

Frigorífico: Dália Alimentos marcou para 25 de outubro a inauguração do frigorífico do Complexo Avícola, em Arroio do Meio. O investimento, em Linha Palmas, gira em torno de R$ 96 milhões.